Valleblock Pavers e Blocos.

Qualidade, Economia e Agilidade em sua Obra.

  • Facebook - Grey Circle
  • G+ - Grey Circle

Loja da Fábrica: Rodovia dos Minérios, km 26,5. Santaria - Rio Branco do Sul/PR - Cx Postal 44 - (41) 3356-7694 

E-mail: valleblock@terra.com.br

Horario de Funcionamento: Segunda a Quinta 7:30h as 17:30h e Sexta das 7:30h as 16:30h. 

Blocos de Concreto e Pavers em Curitiba e Região 

© 2019 por Thompson Valle.

Como realizar a manutenção e limpeza dos pisos intertravados

O pavimento intertravado com blocos de concreto sofre com a acumulação de sujeira assim como qualquer outra superfície expostas à poeira e à poluição das grandes cidades. Ao longo do tempo, se não houver manutenção, os pisos vão adquirindo uma cor cinza escuro, resultado do acúmulo da sujeira. Um asfalto quando novo possui cor negra e brilhante, mas depois de algum tempo assume a cor cinza escuro. Um pavimento de concreto, que é cinza claro, fica mais escuro com o depósito de partículas de poluição.

 

Desgastes dos pavers

 

Toda superfície em que transitam pessoas, animais ou veículos sofre desgastes, como pode ser percebido facilmente nos calçadões de petit-pavê das grandes cidades. As pedras que, ao serem assentadas, tem superfície áspera, ficam completamente lisas e escorregadias com o passar dos anos. Além do tráfego, os desgastes também ocorrem por causa da umidade, exposição ao sol, entre outros. Pavers de má qualidade irão sofrer esse desgaste de maneira acelerada. A resistência à compressão de 35 MPa exigida por norma, traz consigo uma grande resistência à abrasão. Por este motivo, os Pavers Valleblock, que são certificados com o Selo de Qualidade ABCP, apresentam durabilidade muito maior do que as peças similares de empresas não certificadas.

 

Manutenção

 

Se um pavimento com pavers é construído da maneira correta irá oferecer uma superfície durável e agradável por muitos anos. No entanto, da mesma maneira que para os espaços interiores, são necessárias algumas ações de manutenção essenciais para obter o bom desempenho deste material por um bom tempo:

 

- A cada ano deve-se proceder à limpeza do pavimento, com vassoura com cerdas duras e detergente dissolvido na água.

 

- Ao aplicar a água, cuidar para não utilizar jatos de alta pressão no mesmo sentido das juntas e de forma angulada. Isso retirará a areia fina das juntas e poderá prejudicar o intertravamento das peças. Caso haja retirada de areia, será necessária nova aplicação e vassouramento para garantir que nenhuma peça se soltará.

 

- As juntas são a parte mais vulnerável do piso, por isso, uma inspeção periódica é imprescindível para que se verifique se estão uniformes e se há necessidade de preenchimento de areia. Caso alguma junta tenha aberto, retire as peças em volta da peça solta, assente-as novamente e preencha as juntas com areia.

 

- O crescimento de grama e ervas daninhas nas juntas prejudica o desempenho do pavimento. É indicado a retirada das peças e arrancamento das plantas e posterior assentamento das peças novamente.

 

Limo e musgo

Limo e musgo só crescem se sua calçada se encontra na sombra, com fontes freqüentes de umidade e pouco tráfego. Sua retirada pode ser feita através de raspagem, aplicação de herbicida conforme instruções do fabricante e aplicação de jato d’água pressurizado de acordo com as instruções dadas acima.

 

Óxidos

Encontrar a fonte de oxidação e corrigir a causa que as gera. O tratamento é realizado com um limpador de concreto com propriedades ácidas. Note que o ácido ataca também o concreto, portanto, siga rigorosamente as recomendações do fabricante.

 

Graxa e gordura

O óleo derramado penetra de forma veloz na superfície do paver, no entanto, não irá manchá-lo caso seja limpo rapidamente. Aplicar materiais absorventes, como panos ou toalhas de papel, sem esfregar para evitar que a gordura penetre ainda mais na superfície. Caso a mancha persista, lavar com detergente concentrado e escova, enxaguando com água quente.

 

Asfalto

As manchas de asfalto não penetram no concreto com facilidade. Para limpar basta esperar o asfalto secar e depois remover com uma espátula. Se for difícil, aplicar gelo sobre o asfalto para torná-lo quebradiço e tentar novamente com a espátula. Os resíduos finais devem ser removidos com um pó abrasivo. Também há produtos a venda específicos para a remoção do asfalto. Nesse caso, seguir as orientações da embalagem.

 

Marcas de pneus

A borracha deixada pelos pneus pode ser retirada com vassoura de cerdas duras e detergente com água quente ou através de lavagem de alta pressão de água seguindo as instruções para este método de limpeza citados anteriormente.

 

Argamassa

A retirada de argamassa deve ser realizada de forma mecânica através de espátulas e de escovas com cerdas de aço. Caso não seja suficiente, pode-se realizar a lavagem com um removedor de manchas de argamassa.

 

Eflorescência

É um fenômeno natural originado pela reação da água e do cimento, que produzem hidróxido de cálcio e depois da reação desse hidróxido com o dióxido de carbono, presente no ar. Essa reação produz o carbonato de cálcio que gera manchas brancas no concreto. Esse fenômeno é passageiro e desaparecerá por erosão, pelos efeitos do clima ou do tráfego. Entretanto, é possível acelerar sua remoção por meio de lavagem com um removedor de eflorescência.

 

Seguindo essas orientações e realizando a manutenção periódica, a durabilidade do seu pavimento será muito maior, além de mantê-lo limpo e bonito!

Please reload

Posts em Destaque

Como realizar a manutenção e limpeza dos pisos intertravados

20/06/2015

1/1
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Procura por Tags
Please reload

Siga-nos